quarta-feira, 26 de março de 2008

Amanhã(Hoje) é dia de estreia, tudo dentro do esquema normal, ante-estreia má, para não dizer "intragável", ainda com um tom mesclado entre a preocupação de cumprir e a de gozar, usufruir, saborear, todos aqueles momentos mágicos que são indescritíveis. Mais um processo que chega ao fim, e há sempre conclusões a tirar, pois o publico faz o Teatro, mas a fase de ensaios é aquela em que nada se perde e NEM tudo se transforma, há que saber limar arestas e ter também quem as saiba limar. Chamem-lhe laboratório, ou seja lá o que for, certo, certo, é que foram 10 semanas bem passadas, onde absorvi muita coisa, e de um simples ecoar de uma frase que nos saia da boca a partir de uma leitura tremula, conseguimos construir algo! O texto entra bem, mas não em qualquer ouvido, também não é um teatro de elite, longe disso!....mas já agora o que significa a palavra elite? pronto lá está o Comuna a falar! Sem querer fazer disto um muro das lamentações, o que é certo é com vontade e perseverança o barco consegue sempre chegar a bom porto, mesmo com alguma água no interior consegue, e se consegue então montamos a tenda, viramos a cara para o Sol e quando damos por nós ouve-se aquele burburinho...ai ai que é agora! e enquanto desatamos o nó da barriga e os espasmos faciais, pensamos: será que embarcam ou seguem?

2 comentários:

raka disse...

muita merdaaaaaaaaaaaaaaa
és o maior!
da um beijo ao branca e outro para ti!!

Ana disse...

good luck!:)